ANOMAL∣A DE CHUVAS EM NOVEMBRO

NO MAPA, AS ÁREAS EM AZUL INDICAM PRECIPITAÇÕES ACIMA DA MÉDIA, ENQUANTO AS QUE ESTÃO EM LARANJA APONTAM CLIMA MAIS SECO QUE O NORMAL

2022-11-01T07:00:00.0000000Z

2022-11-01T07:00:00.0000000Z

Infoglobo Conumicacao e Participacoes S.A.

http://revistagloborural.pressreader.com/article/282218014735343

ANÁLISE | TEMPO

Neutralidade climática ainda é incerta Os diversos modelos de previsão climática, sejam estatísticos ou dinâmicos, indicam a manutenção do fenômeno La Niña durante o verão no Hemisfério Sul e o inverno no Hemisfério Norte. De acordo com o Instituto de Pesquisas Internacionais da Universidade de Columbia (IRI) e o Centro de Previsões e Clima da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (CPC/NOAA), a probabilidade é de 89% para a permanência do La Niña no último trimestre deste ano. Essa probabilidade diminui, chegando a 54% para persistência do fenômeno entre janeiro e março de 2023. Ainda existem incertezas sobre quando exatamente haverá a transição do La Niña para neutralidade climática, mas há probabilidade de 56% para que essa transição ocorra durante o trimestre fevereiro-março-abril de 2023. De qualquer forma, é certo que a safra 2022/2023 terá influência do fenômeno.

pt-br